"Toda música é som, mas nem todo som é música. Por aí se vê, que para que haja música, é necessário que o som seja trabalhado, configurado, organizado de certo modo com fim expressivo. Esta configuração é a forma, e o som é a matéria, constituintes ambos daquilo que se chama música.

Daí a definição: Música é a expressão por meio do som de certo modo organizado.

Em conseqüência, a história da música será a história dessa organização sonora enquanto matéria, e da sua configuração formal enquanto expressão artística. E porque essa história é paralela à história do homem, insere-se na história da música a conquista da sua autonomia enquanto arte, relativamente à magia primitiva, à religiosidade da antigüidade, à religião medieval, à influência da palavra e das sugestões pictóricas, arquiteturais e outras.

Costuma-se dizer que longo foi o caminho percorrido pela música, o que leva à idéia de se haver chegado ao término dele. Ora, a música continua percorrendo o seu caminho, o qual não terminará enquanto viver o homem sobre a Terra, enquanto o espírito humano funcionar em imaginação e criação."

-

Trecho retirado do livro Os Compositores de J. C. Caldeira Filho, Editora Cultrix de São Paulo.
 

© Copyright O Céu. . All Rights Reserved.

Designed by TemplateWorld and sponsored by SmashingMagazine

Blogger Template created by Deluxe Templates